sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Por que esta geração pede um sinal?


VERSÍCULO:
  Os fariseus vieram e começaram a interrogar Jesus. Para pô-lo à
prova, pediram-lhe um sinal do céu. Ele suspirou profundamente e
disse: "Por que esta geração pede um sinal miraculoso? Eu lhes
afirmo que nenhum sinal lhe será dado". Então se afastou deles,
voltou para o barco e foi para o outro lado.
   -- Marcos 8:11-13

PENSAMENTO:
  Ezra Gould, em seu comentário sobre Marcos, corretamente
observou que nenhum homem de integridade quer se mostrar, pois pela
sua vida será evidente quem ele realmente é. Quem quiser ver verá.
Jesus era assim. "Ele recusou fazer algo puramente como sinal,
embora sua vida fosse cheia de sinais. Aliás, sua vida era um sinal
- ele mesmo era o sinal." Não era que Jesus não se importava com a
fé dos fariseus ou outras pessoas descrentes. Não foi por isso que
ele recusou dar um sinal. Muito pelo contrário, Jesus valorizou
tanto a fé, que ele não admitiu banalizá-la em show de poder ou
entretenimento. O que essas pessoas queriam era manipular Jesus e
torná-lo numa espécie de mágico espiritual. Jesus recusou
mercantilizar a obra de Deus. Devemos estar atentos a pessoas
tentando fazer a mesma coisa em nossos dias. A Bíblia alerta que há
quem opera milagres, mas são para enganar (2 Tess 2:9-10; Apoc
16:14). Se Deus realizar algum milagre em sua vida, dê glórias a
Ele. Porém, tome cuidado com quem quiser usufruir de obras
milagrosas para outras finalidades. Aí, pode haver poder, mas não
vem de Deus. Vamos ser atentos e criteriosos em quem (ou em quê)
depositamos nossa fé. Esta era a grande preocupação de Jesus. Que
seja a nossa também.

ORAÇÃO:
  Não há ninguém digno da nossa fé, senão o Senhor. Permita, nosso
Deus, que tenhamos discernimento para conhecer Jesus cada vez
melhor e crer somente nEle. Os sinais que Ele já nos deu são mais
do que suficientes. Que as pessoas ao nosso redor possam crer em
Jesus, não pelos milagres que esperam ainda ver, mas pelo milagre
que Ele já é para todos nós. Em nome de Jesus oramos. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/2/0914.html

http://twitter.com/ErlonBr

#br451l