terça-feira, 2 de abril de 2013

As suas palavras fazem toda a diferença


"Sempre damos graças a Deus por todos vocês, mencionando-os em nossas orações. Lembramos continuamente, diante de nosso Deus e pai, o que vocês têm demonstrado: o trabalho que resulta da fé, o esforço motivado pelo amor e a perseverança proveniente da esperança em nosso Senhor Jesus Cristo." 1 Tessalonicenses 1.2-3

Você se lembra da história do pastor Tohar Haydarov, do Uzbequistão?
Impossibilitado, muitas vezes, de visitar as igrejas que fundara, ora por conta das longas distâncias que teria de percorrer, ora por causa da urgência de compartilhar o evangelho de Cristo em outras regiões, ou por estar preso, o apóstolo Paulo procurava se comunicar com os irmãos da Igreja Primitiva por meio de cartas. Ao ler as cartas paulinas percebemos que elas tinham, pelo menos, três objetivos principais: fortalecer, exortar e instruir os cristãos na fé.


Impossibilitado, muitas vezes, de visitar as igrejas que fundara, ora por conta das longas distâncias que teria de percorrer, ora por causa da urgência de compartilhar o evangelho de Cristo em outras regiões, ou por estar preso, o apóstolo Paulo procurava se comunicar com os irmãos da Igreja Primitiva por meio de cartas. Ao ler as cartas paulinas percebemos que elas tinham, pelo menos, três objetivos principais: fortalecer, exortar e instruir os cristãos na fé.


A Portas Abertas está organizando uma campanha de cartas para o pastor Tohar, assim como fez a outros irmãos que estiveram ou ainda estão presos e que por meio das cartas de milhares de pessoas puderam sentir o conforto e consolo de Deus no tempo da angústia.
A Portas Abertas está organizando uma campanha de cartas para o pastor Tohar, assim como fez a outros irmãos que estiveram ou ainda estão presos e que por meio das cartas de milhares de pessoas puderam sentir o conforto e consolo de Deus no tempo da angústia. 

Tohar.jpg
Por meio desse verso de 1Tessalonicenses, o apóstolo Paulo procura trazer à memoria dos irmãos da cidade de Tessalônica, que passavam por severa perseguição, a importância que eles tinham para ele (Paulo).
Mesmo em meio a tantos desafios e problemas enfrentados por Paulo durante sua jornada de pregação do evangelho, ele fazia questão de separar um momento do seu dia para escrever, com os próprios punhos, cartas a todos os seus irmãos na fé.
Paulo conhecia as necessidades daqueles irmãos, só não imaginava que, mais de dois mil anos depois, essas cartas continuariam sendo fonte de bênção e inspiração para a Igreja de Cristo.
O jovem pastor Tohar foi preso em janeiro de 2010 (então com 27 anos de idade) sob a acusação de posse e tráfico de drogas. De acordo com testemunhas, Tohar foi preso e levado à delegacia; ali, policiais o interrogaram e o pressionaram para que renunciasse sua fé. Quando ele se recusou a fazer o que pediam, eles plantaram drogas em seu
bolso e confiscaram as chaves de sua casa. Após uma revista policial na casa do pastor,supostamente mais drogas foram encontradas. Tohar foi agredido e forçado a assinar alguns papéis. Dois meses depois, Tohar foi condenado a 10 anos de prisão. Os irmãos de sua igreja foram proibidos de testemunhar a seu favor no tribunal.
Saiba mais clicando aqui!

#BRASIL